Untitled Document

Notícia Completa



Senado vota projeto que suspende reajuste de Remédios e Planos de Saúde


Nesta terça-feira deve voltar à pauta do Senado um projeto que propõe o congelamento do preço de medicamentos, planos de saúde e seguros por 120 dias em função da pandemia do novo coronavírus. Até o momento, o texto base já recebeu 46 emendas, o que tem gerado uma série de questionamentos.

Entre eles está a inadimplência, que desobrigaria o pagamento dos planos de saúde, mas garantiria o atendimento. Quem está preocupado com a tramitação do Projeto de Lei 1.542/2020, do senador Eduardo Braga (MDB-AM), é a Unidas (União Nacional das Instituições de Autogestão em Saúde)

“Para cada R$ 10 recebidos, mais de R$ 9 são direcionados aos pagamentos dos prestadores de serviços. A inadimplência crescente vai acarretar em falta de recursos para cumprir esses repasses junto aos hospitais, laboratórios, médicos e demais setores envolvidos”, explica Anderson Mendes, presidente da Unidas.

O não pagamento deliberado permitiria que quem pode continuar a pagar o plano, deixe de fazê-lo. Isso traria consequências para todo o sistema, já que não haveria fundo suficiente para sustentar os compromissos com a cadeia de laboratórios, hospitais e profissionais de saúde. “Entendemos que estamos vivendo um momento delicado, com perda de renda e que o plano de saúde é uma segurança para a população. Contudo, permitir a inadimplência traz consequências para todos, não apenas para os usuários de planos de saúde”, explica.

“A quebra de uma operadora significa mais gente usando o SUS. A quebra de várias gera uma sobrecarga para a qual o atendimento público pode não estar preparado”, destaca o presidente da entidade. “Esse cenário de migração é ainda mais delicado quando pensamos nas autogestões, cuja carteira contempla cerca de 30% dos idosos. Esse público não tem condições de pagar a mensalidade de uma operadora de mercado e vai usar a rede pública de saúde. O resultado é uma pressão ainda maior para o sistema”, argumenta Mendes.

https://veja.abril.com.br/blog/radar/senado-vota-projeto-que-suspende-reajuste-de-remedios-e-planos-de-saude/


02/06/2020

 
 
   
 Documento sem título
   
 

 

 
 












 

REABERTURA DAS ATIVIDADES - 22/06/2020 - Ver_Completa...

Aplicativos mobile agilizam prática da telemedicina - 02/06/2020 - Ver_Completa...

Senado vota projeto que suspende reajuste de Remédios e Planos de Saúde - 02/06/2020 - Ver_Completa...

Hapvida é 1ª em ranking de relação com investidores da América Latina - 02/06/2020 - Ver_Completa...

AFFIX ATENDE OS CLIENTES HÁ 70 DIAS NO HOME OFFICE - 29/05/2020 - Ver_Completa...

QUALICORP ANUNCIA FUNDO PARA A AJUDA AOS CORRETORES IMPACTADOS PELA EPIDEMIA - 25/05/2020 - Ver_Completa...

A AMIL CEDE 3 HOSPITAIS A PACIENTES DE REDE PÚBLICA - 13/05/2020 - Ver_Completa...

HAPVIDA ABRE VAGAS DE EMPREGO NA ÁREA ASSISTENCIAL - 13/05/2020 - Ver_Completa...

AFFIX ATENDE OS CLIENTES NO AMBIENTE DIGITAL NA QUARENTENA - 13/05/2020 - Ver_Completa...

HAPVIDA FAZ SELEÇÃO DE ENFERMEIROS E TÉCNICOS DE ENFERMAGEM - 06/04/2020 - Ver_Completa...

 
1158812

ESTRUTURAS DE VENDAS PARCEIRAS

 


ANÚNCIOS PATROCINADOS

                      

 

ALLCARE PERNAMBUCO - TRANSMISSÃO AO VIVO.
CONVIDADO MENEZES ZUNZUNZUM
AMILPERNAMBUCO - TRANSMISSÃO JUNINA
FABIANA BELCHIOR E ROSE VICTOR
MOMENTO ZUM 01
INAUGURAL
MOMENTO ZUM 02
PROGRAMA ESTRELAS HAPVIDA
Vídeo das Estrelas 2019
GRATIDÃO DA HAPVIDA
Mensagem de Cândido Júnior
HAPVIDA
INSTITUCIONAL 11/18
AMIL 40 ANOS
Vídeo da Nova Amil
HAPVIDA
Hospitais em Recife
25 ANOS DA HAPVIDA
Mensagem do Vice Presidente
25 ANOS DA HAPVIDA
Mensagem do Presidente
NIVER MENEZES ZUNZUNZUM
VÍDEO Max Behringer
HAPVIDA ODONTO
QUER SER UM VENDEDOR ?
AMIL CARTEIRA VIRTUAL
BRÁULIO BESSA MOTIVAÇÃO
NASCER BEM HAPVIDA
ENTREVISTA COM MENEZES
DANIEL GODRI


Ir para o FacebookIr para o Facebook